Pesos Pesados vs Pesos Leves e as tristes “Coincidências”

Indo directo ao ponto, vou aqui fazer uma breve análise do calendário do campeonato nacional de futebol 2010/2011 e pedir que me ajudem a não deixar calar as nossas vozes perante tanta injustiça, aquando dos ditos “sorteios” destas ditas “federações” da nossa dita “terra” (Cada vez sinto que Cabo Verde é mesmo 2 contra 7).

– 2 Grupos (3 equipas de Santiago, 2 de Santo Antão, 1 de cada das restantes ilhas) – Total de 11 equipas.

– GRUPO A – 6 equipas (2 de Santiago, 1 de São Vicente, 1 do Fogo, 1 de S. Nicolau, 1 da Boavista)

– GRUPO B – 5 equipas (1 de Santiago, 2 de Santo Antão, 1 do Sal, 1 do Maio)

1ª “Coincidência “ – 2 equipas mais fortes de Santiago, em grupos diferentes. 2 únicas equipas de Santo Antão, no mesmo grupo. Se Santiago tem 3 equipas, 2 tinham que, forçosamente estar no mesmo grupo. O que não pode acontecer é Sporting da Praia e Boavista da Praia, estarem no mesmo grupo. Pudera.

– GRUPO A – Jogos em Casa e Jogos Fora.

Se são 5 jornadas, é óbvio que, não poderão ter o mesmo número de jogos fora e dentro, por se tratar de jornadas ímpares, ou seja, 3 por 2, ou 2 por 3. Até aqui tudo bem. Então vejamos:

Sporting da Praia (Santiago)3 jogos em casa, 2 jogos fora.

Mindelense (São Vicente) 3 jogos em casa, 2 jogos fora

Vulcânicos (Fogo) 3 jogos em casa, 2 jogos fora.

2ª “Coincidência” – 3 equipas das primeiras e principais cidades de Cabo Verde com mais jogos em casa do que fora.

Benfica de Sta Cruz (Santiago, mas não Praia) – 2 jogos em casa, 3 jogos fora.

Ultramarina (São Nicolau) – 2 jogos em casa, 3 jogos fora.

Sal Rei (Boavista) – 2 jogos em casa, 3 jogos fora.

3ª “Coincidência” – mais jogos fora do que em casa, para as equipas das zonas com “menos potencial”, mas com uma particular característica em comum: Das mais hospitaleiras, mais acolhedoras, mais passivas, mais cómodas e  mais “deixa estar”.

– GRUPO B – Jogos em Casa e Jogos Fora.

Por estar 5 equipas (número ímpar) neste grupo em vez de 6, cada jornada descansa 1 equipa para se poder jogar todos contra todos. Até aqui, tudo nos conformes.

Boavista da Praia (Santiago)3 jogos em casa, 1 jogo fora.

Rosariense (Santo Antão) – 1 jogo em casa, 3 jogos fora.

Académica (Santo Antão) – 2 jogos em casa, 2 jogos fora.

Académico (Sal) – 2 jogos em casa, 2 jogos fora.

11 Unidos (Maio) – 3 jogos em casa, 1 jogo fora.

O estranho aqui é que, 11 Unidos do Maio, joga 3 jogos em casa. Fácil de explicar: Gasta-se menos de Maio à Praia, do que de Maio à Santo Antão.

4ª “Coincidência” – Praia, mais uma vez, com 3 jogos fora, mas mais triste ainda, com apenas 1 fora. E Santo Antão, como Rosariense, 1 jogo em casa e 3 fora. Pura “coincidência”.

5ª “Coincidência” – A passividade, a comodidade, o “deixa estar”, volta a atacar: qual equipa tinha que ter mais jogos fora???? Qual???… uma de Santo Antão , claro.

“Nô despertá enquanto é tempo gente de nos ilha”

6ª “Coincidência” –  Nos jogos escolares de 1999, em Assomada, Santiago, houve uma paragem forçada de 1 dia devido as chuvas que caíram até ás 10h do dia seguinte. Parou as chuvas, enviaram a equipa de Santo Antão de Basquetebol para a cidade da praia, 40km de calçada, para jogar com a equipa de Santa Cruz. Ganhamos o jogo, regressamos logo de seguida à Assomada. Ao chegarmos, ofereceram-nos Feijoada como almoço, por volta das 15h. comemos, fomos descansar, 30 minutos depois, surgiram na porta do nosso quarto os membros da comissão e pediram que nos despachasse-mos porque tínhamos jogo logo a seguir. Isso mesmo, 30 minutos depois da feijoada. Ninguém da nossa comitiva reclamou e lá fomos nós correr riscos de vida (passividade, comodidade, “deixa estar”). Perdemos, por 2 pontos, com e equipa que ganhamos por 15 na final (ainda bem).

Adivinhem lá, quantos equipas foram sujeitas a este “esforço”????? Fácil de saber, não??

Apenas nós de Santo Antão minha gente.

“Nô despertá enquanto é tempo gente de nos ilha”

About plurim

Criado para relembrar, reabilitar, recuperar, redescobrir o nosso concelho da Ribeira Grande, Ilha da Santo Antão, Cabo Verde, este blogue terá como propósito enobrecer, por mérito próprio, aquele que nos viu nascer, crescer e tornar em mais um valor nacional, reconhecidos por prós, ignorados por contras. "Quanto maiores são as dificuldades a vencer, maior será a glória." Ver todos os artigos de plurim

15 responses to “Pesos Pesados vs Pesos Leves e as tristes “Coincidências”

  • eldy

    manera gente de plurim…
    por acaso diaza m’tenta sabe esse cosa e explicação foi k kes dois equipa de Praia (santiago sul) n’pode dá ne mesmo grupo mod es dois é cabeça de serie “CS”… 1ºCS kem ganha campeonato nacional (Boavista) e 2º CS é kel regiao é que teve kel campeao de cv e como boavista foi campeao de Praia tb, enton foi Sporting como 2ºlugar de campeonato regional, automaticamente… se SA tivesse ganho Campeonato Nacional, logo SA seria CS, e se por ventura kel campeao nacional fcasse ne primeiro lugar ne kel regional proximo, kel 2º lugar de regional de SA seria kel 2º CS de Nacional… kel 3º equipa de santiago (regiao sul) tinha que caí ne qualquer grupo… agora o ké k nunca m’entende é porqué k kes dois equipa de SA está ne mesmo grupo, mesmo sabendo k es é de regioes de futebol diferente, e tb porque k kes equipa de Praia tem 3 jogos na Casa e dois fora enquanto k Rosariense tem 3 fora e um na casa… pa mim, se um dasse num grupo, automaticamente kel ote tinha k bai pe kel ote grupo…
    mim n’sabe se m’faze intende mod é dificil explical te escreve…
    saudações

  • Anibal Miranda

    FAÇO UM APELO A TODOS OS TORCEDORES DO ROSARIENSE E DO ACADÉMICA DO P. NOVO: a hora é essa.
    Dia 28/05/2011, Bsot organizá um manifestação contra RTC. Bsot proibis entra na stádio pa ba filma esse jogo. Es ka tem costume mesmo. Nô tem k começa de exigi respeito pa nôs ilha.
    Mobilizá um grupo de maltas tanto de PN como de RG que faixa, cartaz, k rádio de som pa corrê kes. Ja nô ta forte desse ato discriminatório. Ja nô ta forte de oiá só resultod de campeonato regional enquanto que SV, Santiago (até de segunda divisão), Sal, Fogo tem imagens. Entom nô pôs te mostra um cosa diferente: Revolução de maltas.
    Foi desse jeito k Mahatma Gandhi, consegui independência de India e desse jeito nô podê impô respeito. É através de iniciativas amoda esse k nô te podé vencê
    NÔ MOSTRAS .K NÔ TE K OI ABERTO E PACIENCIA TEM LIMITE.
    Mim um ka ta podé fazé isso pelo facto d mim ka ta presente, ma um sabé k la tem maltas capaz pa mobiliza.
    Força la maltas. Um tespera k bsot te atendé esse apelo, PARA O BEM DA NOSSA ILHA.

    • plurim

      Anibal, infelizmente Rosariense já desperdiçou a sua oportunidade de seguir a sua sugestão, porque já fez um único jogo que tinha em casa. Caso passemos a primeira fase, ainda haverá uma esperança. Mas claro, este jogo em Santo Antão, mesmo sendo no porto novo, é sem dúvida uma excelente oportunidade. Mas ainda há mais formas de boicot… ideias pessoal, ideias… vamos nessa!

  • Anibal Miranda

    ahahahahah….Sem dúvida a nossa ilha faz tempo que tem vindo a ser prejudicada, desrespeitada, humilhada, nocauteado, torturada mas nós nunca reenvidicamos perante essa situação.
    Essa é mais uma situação lamentável para com a nossa querida ilha. Sim é hora de “NÓ DESPERTÁ” e abrir a CAPA DOS NOSSOS OLHOS e puxar a brasa pela nossa ilha porque se não ninguém o fará por nós. Entre as ilhas não existe fronteiras então SA não pode continuar a se tratado como enclave. Não podemos continuar sendo ignorados.
    Poderiamos começar a demosntrar a nossa indignação com aquela emissora que se chama de televisão de CV. Todos os meses é cobrado uma taxa, mas da parte deles é uma banalização geral contra nós.
    Pena que o Rosariense tem somento um jogo em casa porque seria uma boa oportunidade de fazer uma manifestação contra a TCV, proibindo-os de captar as imagens.

  • OL

    Boas,
    Nô tem que abri oio sim, mas tbm leva esse indignação a responsáveis dos Clubes de S.A, pq grinhecim Rosa e Academica é ke bandeira(representante) SA na esse campeonato. Por isso Hm t’otcha ke devia parti de sej parte esse indignação, e não submeté à tud isso, te comporta como se um favor ke ej tite fze nós pa participa na Campeonato CV, mais sim pelo contrario, ej ter um equipa moda Rosa na esse campeonato, pq pa tem algo (respeito) em troca e evita e triste coincidência nô te ke ganha esse respeito dos responsáveis de FCF. ká eh só ganha títulos ou ter melhores jogadores pá conquista respeito pk moda nô te oia Corrupção te tmód conta te tud esse estrutura de FCF. Pq FCF cré eh ter e equipa de Praia e SV na Final, ke melhor pa ej Nome de Praia ou SV ser visto la fora, onde tem olheiros de fora pa espia jogadores, então ej en cré pa um jogador dexe equipas Outsiders ser incluído na kel lote de escolha, no fze expelho na selecção de CV onde SA já tive 1 ou outro incluido na kel lote e o ke te contece desde smp. Mais um vez smp ta opta pa ej Politicas centralistas, Então responsáveis tem tmá coragem e txega na kej jogo e por Ex pedi equipa pa ka entra em campo, ou fze algo do género pá mostra nós indignação perante CV inteiro, Oia Ex: de S.Vicente, moda no sebé desde smp tud de melhor foi smp pa Praia, e ej nunka ej baixa cabeça perante ej poderoso de Capital ej consegui ganha respeito. por isso ke ej ka gosta cumpanher. (hehehehehehehehehehehe).
    Eze é Verídico, Na um final entre equipas de Praia e SV foi acordode entre ambas as partes k ka podia ter árbitros de kej ilha na esse final, cmo smp kej cabiçode de Praia conseguí coloca árbitros de praia pa apita, então lgo a seguir responsável de equipa pedi pa se equipa saí de campo,enkuanto ej ka muda kej arbitro, e até ke contece ke kel arbitro tenta agredi kel responsável, equipa abandona campo e ka recebe trofeu de 2ºlugar, e foi noticia em destaque na Jornal da noite. Fka mostrod perante CV inteiro sej indignação.
    Exe eh falta nos, passa ta ser os maus fa fita, qdo é pa conquista o ke dnós por direito. Tchá lod por momentos exe lode k’nô tem em ser um povo simpático e acolhedor.
    Enquanto não houver nenhuma tomada de posição pelos responsáveis do Futebol em S.Antão e dos Clubes vamos continuar a ser os mais fracos e os mais penalizados. Continuá ta ser “carne pa Canhão/ Sacos de Pancada” .
    Só abri oio não basta, pq isso te ser feito na vista de todos, é preciso entra na luta pa muda algum cosa, entra em confronto, pq nó dem nda a perder, só ganhar ao meu ver.
    Te espera que esse mensagem te txega aos responsáveis pq só ej pode muda rumo desse situação.

    • plurim

      Concordamos a 100% contigo “OL”… isto é apenas um começo de uma grande batalha. Poderão até calar os revolucionários, mas, nunca a revolução. Haverá sempre alguém que lutará por aquilo que acredita, mesmo quando os “maus da fita”, tenta constantemente desencoraja-los.

  • Arsénio Gomes

    Meus caros,
    essas situações poderiam ser resolvidas, desde que se queira. Se Associações Regionais chamadas “pequenas” são em maior número que as chamadas “grandes”, e cada uma tem direito a um voto nas Assembleias-Gerais da FCF (independente de ser pequeno ou grande), como é que é possível que não se resolva isso.
    Sou dirigente desportivo e quando eu ia as reuniões da Associação Regional de futebol de Santo Antão N, a representar o meu clube (São Pedro), perguntava ao presidente da nossa associação, o que ia fazer naquelas Assembleias-Gerais da FCF. Questionava se era para dizer “amén” a FCF. A mesma questão foi colocada ao vice-presidente da FCF que esteve numa reunião com todos o clubes da nossa região desportiva.
    A própria FCF atribuia o dobro do prémio, em valores, aos campeões regionais da Praia, Sal e SV, em comparação com os campeões das restantes regiões desportivas.
    Eu não conseguia entender porque havia tanta descriminação da FCF para com os chamados “pequenos”, quando esses mesmos “pequenos” eram maioria nas Assembleias da FCF. Se quizessem, poderiam bloquear qualquer decisão da FCF.
    Comodidade, passividade e outros termos é muito pouco para descrever isso.
    Ou os nossos responsáveis das Associações Regionais e também dos clubes tomam isso a sério, ou então continuaremos a assistir isso de bancada.

    • plurim

      Caro Arsénio, obrigado pelo comentário.
      Perguntamos:
      – Se os dirigentes nada fazem, alguma coisa os deve impedir, pois não?
      Estas respostas que nós procuramos. Pois acreditamos que , muitos deles têm os pés e as mãos atadas, por muitas questões que muitos de nós desconhecemos. Também acreditamos que, muitos são movidos por interesses, mas não todos.
      Os BONS são sempre inferiorizados pelos MAUS, porque os BONS não levam tão a sério as suas investidas, pois infelizmente a união dos MAUS sempre prevaleceu, mesmo não sendo mais fortes, por causa das suas persistências.
      Cordealmente,
      plurim

  • ailton rocha (Nitó Sinagoga)

    é verdade. já faz tempo que as equipas de santo antão jogam mais fora do que em casa. os jogos em casa são contra as equipas menos poderosa. mas o feitiço virou contra o feiticeiro. as equipas de santo aantão andam a jogar bom futebol na capital. em 2006 o beira mar foi lá vencer o sporting por 3-1, o maritimo venceu o boavista por 4-3 e académica empatou no sábado 0-0,penalty para marcar. já está na hora de acabar com o centralismo. na última taça independencia Oceano(Santo Antão) foi melhor jogador do torneio e não mereceu uma chamada a selecção. a tcv nunca filma os jogos em santo antão, e toda a semana eu vejo tribuna vip, somente resultados das zonas do Barlamento mais fracas
    .este ano deram poucas imagens de são vicente. fogo perdeu em são vicente por 6-0 e toda a semana temos imagens do Fogo.

  • Finny

    Obrigado PLURIM pa divulgação dess vergonha! Nôs santantonenses tem k pára c passividade e mostrá nos posição tb! Es cosa tem k cabá na Cabo Verde, mas pa isso, nos é k tem k lutá e impô respeito. So assim es ta cmeça ta respeitá e dá nos valor k no ta merecê.

  • To Ferreira

    Plurin, infelizmente esse ei ê um situação ke te bem te arrastá ja tem bom temp, ma moda bo mencioná la de riba no te fca te tmá tud colód e non de pronunciá em nada. Ma no tem de lembrá e fezê lembrá ke Cabo Verde en nê so “Praia”, e pe no ser uvid no tem de pronunciá em voz alta e em massa. No crê mesmos direitos, e basta de beneficiá uns e prejudicá otes.
    Abraços

    To Ferreira

  • C12

    exatamente, no ebri oi ou entom…

    • kikopires

      muita coincidencia mesmo, tud manipulod. sporting de praia ka foi campeâo de nenhum coza pe estod ne campeonat nacional. ess coza foi fizid sem sorteio.

    • valter Fortes

      No tem que mostra nos indignação perante isso..

      • Anónimo

        Kel la e kosa k a muito tempo tem vindo ta contce e infelizmente, no t cala perante a kex situaçao li, é claro que na kualker sociedade ou pais tem sempre disparidade economica e nao so, ess li tb e um de kex tipo de desigualdade,infelizmente ess e um assunto k ka ti t bem de agora, ma so que no acomoda no prende vive kess diferença,o que é um pena…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: